Procure aqui o que voce perdeu

martedì 7 gennaio 2014

Na terra do sol nascente.



Amanhã faz uma semana que cheguei por aqui, meu espanto cresce a cada dia. Já estive por aqui em 2009 e já tinha noção do que iria encontrar.
Tudo tão organizado, limpo e certo que as vezes não parece humano, graças a Deus existem os jovens que destoam, quebram o gelo, recriam uma nova ordem.
Quando ando na rua percebo que por traz dessa ordem existe um patriotismo que não vi em nenhum outro país, nos EUA as pessoas  colocam bandeira na janela, mas não chegam nem perto dos japoneses no sentimento de responsabilidade social.
As pessoas usam máscaras para não contaminar o próximo em ambientes públicos, não ouvi até agora nenhum celular tocar em público, não se pode falar ao celular nos trens ônibus, metrô e qualquer ambiente onde se divide o espaço com outros, não se pode fumar na rua, existem espaços exclusivos para fumantes.
Por exemplo eu não jogo papel no chão porque a rua é minha, do meu pai, do vizinho. Eu tomo cuidado com o lixo que produzo porque o que afeta o meio ambiente afeta a mim, ao meu filho, ao meu próximo.
Nos restaurantes eles oferecem aquele guardanapo úmido e quente é só. Nada de cada pessoa usar uns cento e cinquenta guardanapos de papel. Quando se usa guardanapo de papel o atendente pergunta quanto vc precisa e dá somente aquilo e veja se não exagera no pedido por que receberá um olhar de reprovação. Tudo aqui é pensado no coletivo, acho que por isso o Japão se reergue com rapidez e facilidade diante das catástrofes, pois eles estão dispostos a fazer sacrifícios pessoais em prol do coletivo.

Sobre a língua.
Impossível né?
O Paolo fez um ano de japonês, dá só pra ler alguma coisa em kanji e katakana é ainda mais dificil. Falar só pra perguntar algumas coisas e responder o básico.
As crianças são consideradas alfabetizadas depois de nove anos de estudo.
O alfabeto tem 10.000 caracteres, um adulto médio reconhece e escreve cerca de 2.000 quanto mais culto, mais letras do alfabeto se conhece, fala e escreve.




Estar no Japão e conviver o tempo todo com o antigo e o moderno, tradição e inovação. tecnologia de ponta junto com o que sempre existiu.






























20 commenti:

  1. Esse é um pais que tenho loucura para conhecer. Fiquei aqui te lendo e viajando junto. Muito bom!

    RispondiElimina
  2. Que lindeza Diacuy!!! Tudo limpinho... Lindo! Respeito no coletivo, ah se no Braseeel fosse assim! Amei as imagens, realmente lindas!

    RispondiElimina
  3. O que eu acho mais legal daí é justamente o que vc está mostrando nas fotos, a mistura no novo com o antigo de forma harmonica.
    Respeitar a coletividade é um sonho que eu acredito um dia conseguiremos nos aproximar bastante.

    Abraços

    RispondiElimina
  4. Amei!!! Mas, eu sou muito suspeita...minhas origens são desse país que não conheço mas admiro tanto! Lindas fotos, uma visão maravilhosa...Beijos!!!

    RispondiElimina
  5. Irresistível, apaixonante, fantástico!!!! Experiência incrível!!!

    RispondiElimina
  6. Fomos em Fevereiro de 2012! É mágico! Só me apaixonei ainda mais pelo Japão! (aqui fiz um postzinho sobre a viagem - http://www.ilafox.com/2012/04/nossas-ferias-no-japao.html)
    Ainda quero voltar num Outono e Primavera! :-D

    RispondiElimina
  7. uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu como sempre tu arrasa nas fotos...beijus que viagem maravilhosa

    RispondiElimina
  8. Gente que coisa linda! Sou louca pra ir lá! Feliz demais por isso!
    Amei o detalhe:
    "Eu tomo cuidado com o lixo que produzo porque o que afeta o meio ambiente afeta a mim, ao meu filho, ao meu próximo.
    Nos restaurantes eles oferecem aquele guardanapo úmido e quente é só. Nada de cada pessoa usar uns cento e cinquenta guardanapos de papel. Quando se usa guardanapo de papel o atendente pergunta quanto vc precisa e dá somente aquilo e veja se não exagera no pedido por que receberá um olhar de reprovação. Tudo aqui é pensado no coletivo, acho que por isso o Japão se reergue com rapidez e facilidade diante das catástrofes, pois eles estão dispostos a fazer sacrifícios pessoais em prol do coletivo."

    RispondiElimina
  9. Q post mais lindo Lola,fotos perfeitas,estou apaixonada por esse lugar :D

    RispondiElimina
  10. Eles são admiráveis!! Lindo teu post e o teu olhar sobre esse povo e esse país... Suas fotos estão maravilhosas... grande bj e continue nos fazendo viajar através delas.

    RispondiElimina
  11. Que lindoooooo! Um dia, eu vou, com certeza! Marido foi a trabalho, não tive condiçOes de ir junto, nem tempo, nem dinheiro, mas é um desejo que cresce aqui. Enquanto isso, viajo contigo, todos os dias um pouquinho. MUITO OBRIGADA por nos trazer vida real e cotidiana de um lugar tão bacana. Beijoooo

    RispondiElimina
  12. Post sensacional.....vc arrasa como sempre.
    Beijos

    RispondiElimina
  13. Oi Lola! É bem mais fácil ver um país oriental através do olhar e da lente de uma brasileira. Amo esse olhar de encanto e espanto! Bjim!

    RispondiElimina
  14. Que show Lola!!!

    Experiência indiscritivel, um olhar gostoso de ver e ler!!!!

    Bjks

    Sonia

    RispondiElimina
  15. Deslumbrada.
    Beijo.
    (eu, deslumbrada com as fotos! rs)

    RispondiElimina
  16. Adorando suas fotos e também aprendendo com o que você diz e fotografa.
    Acho o povo japones mais unido do que em qualquer país do mundo!
    Aqui em Nikity também usam guardanapo úmido e quentinho, adoro!
    Licão de Japão que você está nos dando. Obrigada.
    Beijos.

    RispondiElimina
  17. Amei o que li. Sonho em conhecer o Japão. Admiro demais esse povo. Podem estar vivendo a maior catástrofe na vida, mas jamais furariam uma fila ou saqueariam um supermercado.

    RispondiElimina
  18. 10.000 caracteres? gente! que doido!
    e eu que reclamo do alemao :-(
    e eu que reclamo do excesso de organizacao do alemao... nao pode fumar na rua? gente!!
    Mas o melhor mesmo é saber que nao se pode falar em todos os lugares com os malditos celulares, isso sim, meu Deus! é a melhor coisa que li nos últimos tempos ;-)

    é mesmo assim, cada país tem seu lado bom e ruim. Ainda bem mesmo que há os jovens. Amo essa meninada.

    RispondiElimina
  19. ahh esqueci de dizer o óbvio: fotos bárbaras minha querida Flor do Campo!

    RispondiElimina
  20. mas como é que voce foi parar ai????

    RispondiElimina