Procure aqui o que voce perdeu

venerdì 24 gennaio 2014

Com açúcar e com afeto, fiz seu doce predileto.

Hoje é dia da BC da Fernanda Reali e ela quer saber se a gente tá fazendo doce.

Sempre  faço doce e você?


Esse aqui comprei numa Bakery super bacana  que poderia estar em NYC mas está  aqui perto do hotel.
Em casa eu faço bolo tres vezes por semana, esse bolo de tomar com café, não gostamos muito de pavês, tortas muito melecadas que na receita vai muito açucar e muita gordura, o que sai muito lá em casa é sorvete (que eu mesma faço), sobremesas com iogurte, frutas e bolos.

Bem, esmalte não tenho, então vou mudar de assunto, pode né Fernanda? Ou você vai fazer doce?

Hoje quis fazer algo diferente, não quis pegar metrô, não quis muvuca, prédios, shoppings, templos, museus, bibliotecas, parques, nada. Quis ficar por aqui.

Fazer algo novo muitas vezes requer só mudar o lado da calçada.
Eu moro nessa lado que vcs estão vendo, hoje eu resolvi ler na praia e do lado de cá.





Conhecer gente nova é muitas vezes perceber o que o outro tem em comum e puxar conversa, poder ser um cachorro, filhos, cabelos ruivos ou simplesmente um olhar como foi meu caso.


Mudar de calçada pode ter um significado mais bacana se essa mudança for no teu olhar, no teu jeito de perceber o outro e as coisas.







10 commenti:

  1. Sim. Para mudar, seja de vida, seja de lugar, basta um primeiro passo.
    O Japão está me surpreendendo.
    Beijo, Lola. Bom fim de semana.

    RispondiElimina
  2. já linkei este post no meu http://www.fernandareali.com/2014/01/esmalte-e-doces-delicias.html

    já pinterestei tudo, já babei pelas imagens, agora cadê os esmaltchynhos??? como assim viver sem esmaltes??? Ai, amiga, gente viciada é terrível, né? Nem sei imaginar mais como é viver sem pintar as unhas!

    A foto lo vidro sobre o banco está perfeita, irretocável: cor, diagonal, infinito, solidão, repouso, tudo isso veio à minha mente.bjs

    RispondiElimina
  3. Também sempre faço doce. Rsrs. Imagens liiindas!
    Bom final de semana!
    Bjos.

    RispondiElimina
  4. Doce aqui em casa é muito bem vindo, tenho formigões...mas, o bolo simples com café é o que faz mais sucesso entre todos, por tudo: porque é uma delícia, porque inspira conversas, porque fica todo mundo em volta da mesa...
    "Conhecer gente nova é muitas vezes perceber o que o outro tem em comum e puxar conversa", é o que vivo fazendo, você é uma das minhas mais recentes vítimas, hahaha, adoooooro saber das pessoas, concordar, discordar, aprender, ensinar, porque ninguém evolui sozinho, a gente busca o que nos falta, damos o que nos sobra. A vida é uma busca, e fiquei muito feliz de ter te encontrado!
    Amei as fotos, principalmente a do banco com o livro, poética...Beijos!

    RispondiElimina
  5. Como sempre, fotos belíssimas.
    A do livro no banco é perfeita.
    Bjs

    RispondiElimina
  6. Vim aqui procurando por esmaltes, e me deparo com esse belíssimo céu azul!

    Fotos lindas!

    Um beijo!!

    RispondiElimina
  7. OI Dicuy, o seu doce me lembrou a foto que a minha filha fez na Disney. Vou lá complementar o meu post. Amei as fotos. Sai da rotina, fazer o mesmo, mas de forma diferentar, olhar por outros ângulos nos traz enormes possibilidades.
    Uma ótima semana pra você
    beijos
    Chris
    Inventando com a Mamãe

    RispondiElimina
  8. eu gosto de doce de batata doce roxa!

    RispondiElimina
  9. Huuuummmm ... esse doce do início deu água na boca!

    E que lugar lindo!

    Tenha uma ótima semana!

    Bjinhos

    RispondiElimina
  10. "Conhecer gente nova é muitas vezes perceber o que o outro tem em comum e puxar conversa..."

    Em comum foi passarmos numa mesma rua no lado de fora do coração, blog da minha amiga escritora Ana Paula, onde vc um comentário meu elogiou e se eu era escritora, não sendo incentivando, comentou e meu dia adoçou, levado a doçura de bandeja pela amiga Ana que tanto é em seus gestos e escritos, como de doces, cereja.

    Meu amado Saramago disse e concordo: "Todos somos escritores, uns escrevem, outros não"
    Queria eu fosse fácil e a alcance (financeiro) publicar livros, ter uma coluna no jornal, virar um escritora famosa (pq não?...tb sou boba e loba) quem sabe um dia :)

    Por enquanto escrevo em meu blog, agenda, cartas, bilhetes, dedicatórias, comentários em blogs vizinhos...E tanto semeio quanto colho por esses caminhos.

    Sobre esse post seu amei desde o título. Como toda menina baiana, cocadas são por mim devoradas e bolinhos de estudante menos doces (bolinhos de tapioca fritos com canela e açúcar em volta), quando vc vier a Bahia fica dica, come um na praia de Itapuã, ouvindo o mar de Itapuã, ao sol que arde em Itapuã.

    Doçura, energia da Bahia e do Brasil, equilíbrios e sabedoria oriental para suas caminhadas de todos os lados das ruas, por entre os blogs, quintais, por seu quintal :)

    RispondiElimina